O Nome do Vento de Patrick Rothfuss

Pense na ultima vez que você viu, leu ou ouviu alguma coisa tão sensacional que quando alguém te perguntou do que se tratava você abriu a boca milhares de vezes, mas as palavras não saiam…

Porque as palavras pra descrever aquilo não existiam!

E não importa o que você diga, a pessoa não vai conseguir entender porque o significado das palavras será superficial se comparado à sensação. Nada fará juz!

Por isso, o melhor conselho que dou a você que está lendo esse post é… LEIA O NOME DO VENTO!

A pessoa que começou a ler esse livro, não é a mesma que escreve isso agora!

‘Quer dizer que você saiu em busca de um mito e encontrou um homem (…) você ouviu histórias e agora quer a verdade. (…) Posso contar-lhe a coisa toda em um só fôlego – afirmou.
Pigarreou e concluiu: – Fiz parte de uma trupe, viajei, amei, perdi, confiei e fui traído. ’p.52

O Nome do Vento é o livro de estréia de Patrick Rothfuss, esse indivíduo de aspecto curioso e uma barba excêntrica, conseguiu escrever uma obra-prima!

Como ele fez isso? (Saiba mais AQUI.)

Mas se posso resumir, foi a sua atenção aos detalhes e cuidado com toda a obra que fez com que esse livro fosse outra coisa completamente.

 

O Nome do Vento de Patrick Rothfuss. Sextante/Ed. Arqueiro. 2009. Pág.649.

 

o-nome-do-vento

Vida, luto, magia, sombras e mistérios rondam Kvothe.

“Meu nome é Kvothe, com pronúncia semelhante à de ‘Kuouth’. Os nomes são importantes, porque dizem muito sobre as pessoas. Já tive mais nomes do que alguém tem o direito de possuir. Meu primeiro mentor me chamava de E’lir, porque eu era inteligente e sabia disso. Minha primeira amada de verdade me chamava de Duleitor, porque gostava desse som. Já fui chamado de Umbroso, Dedo-Leve e Seis-Cordas. Fui chamado de Kvothe, o Sem-Sangue; Kvothe, o Arcano; e Kvothe, o Matador do Rei. Mereci esses nomes. Comprei e paguei por eles.”

Depois de ter sua família assassinada por uma figura considerada mitológica. Kvothe tem que sobreviver como pode, chegar ao Arcanum e se tornar um arcanista, depois de aprender a arte nomear ele pretende vingar sua família. Sabemos que ele se tornou uma lenda, como? É o que vamos descobrir enquanto ele narra suas memórias.

Rothfuss foi fundo. Desenvolveu um mundo sem deixar de lado suas culturas, suas religiões, costumes, superstições está tudo lá…   A história se estende além da trama em si, abrindo inúmeras possibilidades.

O mundo de Kvothe tem um passado ao qual somos apresentados ao som de alaúdes e liras, por bardos enquanto bebemos tranquilamente na boa velha taverna.

No primeiro livro a trama tem sua construção atrelada a seu crescimento e amadurecimento de nosso protagonista, assim como seus conflitos. Ao longo da narrativa compartilhamos de suas alegrias, tristezas, dores e esperanças, mas suas conquistas vem sempre acompanhadas por risadas.

‘Meio vintém por cabeça. Isso mesmo. Quem não tiver cabeça entra de graça. ’p.64

Uma das qualidades do livro é o modo como ele te envolvesair do transe é quase doloroso, tamanha é a força que tem de imersão!
Há muito tempo não lia nada assim? O mundo desaparecia durante a leitura e eu perdia noção de tempo e espaço.
A leitura fácil e fluente somada a um visual detalhado rico e seus personagens, contribui pra isso.

‘Estou tentando me lembrar de tudo que disse a ele – admiti. – Às vezes minha boca começa a falar e minha cabeça demora um pouco para alcançá-la. ’p.352

Nosso protagonista é um prodígio, curiosoapaixonado pelo som do alaúde e ávido pelo saber e que por isso mesmo acabar encontrando todo tipo de problemas.
Têm uma língua afiada e perspicaz; e apesar de seus momentos de insensatez nos surpreende com as mais inusitadas lições de vida, e ainda assumindo os mais cômicos papeis para atingir seu objetivo entrar para o Arcanum. (Hogwarts me desculpe, mas vou pedir transferência!)

“Os nomes são a forma do mundo, e o homem capaz de falá-los está a caminho do poder. Nos primórdios, o Arcanum era uma pequena coleção de homens que compreendiam coisas. Homens que sabiam nomes poderosos. Lecionavam para uns poucos estudantes, devagar, incentivando-os cuidadosamente em direção ao poder e à sabedoria. (…) – Então azul é um nome? – É uma palavra. As palavras são pálidas sombras de nomes esquecidos” p.601

Nesse mundo a magia, reside na manipulação de energia canalizada através do corpo e da mente utilizando uma ligação entre elementos de constituição semelhante ou parcial.
Os elementos alquímicos são diversos e soma-se ainda a medicina, a manipulação metais e o estudo de línguas antigas como as runas. Todos ligados a magia das ligações.
Assim como seu protagonista a trama é surpreendente de um capítulo pra outro pode se passar pelos mais diferentes estados emocionais. Como seu protagonista a trama guarda mais do que aparenta e te engana magistralmente.

Os personagens são dos mais curiosos tipos, os aparentemente malucos são os que parecem dizer menos e são sempre os que dizem mais, Elodin e Ari sem dúvida são essenciais à trama, como alivio cômico e como apoio, imagino que no futuro da série serão ainda mais fundamentais.

Mas Elodin sem dúvida é um dos melhores personagens do livro e o meu preferido, mesmo não batendo muito bem da cachola.

“- Por favor, aqui somos todos amigos. Fique à vontade para me chamar por meu primeiro nome: Mestre – disse ele.”p.469

Acompanhamos Kvothe em sua entrada no Arcanum, conhecemos seus amigos, seus interesses românticos, suas fraquezas.
Logo no começo do livro me surpreendi com a dinâmica entre ele e seu amigo e discípulo Bast.

“- Um bilhete? Você sai sorrateiramente e me deixa um bilhete? – sibilou furioso.
– O que é que eu sou: uma prostituta de beira de cais?”p.44

Mas a lista é longa, os personagens são cativantes, mas claro que me identifiquei com Kvothe o modo como ele vê a vida, suas opiniões sobre ela e em relação a alguns acontecimentos estão muito próximos dos meus. Feila cresceu no meu conceito, aos poucos foi tomando espaço, impossível não se apaixonar por ela. Ari é sensacional. Ela e Elodin numa sala, é uma coisa que eu pagava pra ver.

 

Classificação>  ÉPICO! > ★★★★★     [Foi para a lista de favoritos!]

 

26 comentários sobre “O Nome do Vento de Patrick Rothfuss”

  1. Esta é a terceira resenha que leio deste livro, e o que posso dizer???Adooorei tudo, a sinopse, resenha, enredo, tudo!Apaixonei!Espero poder lê-lo em breve… Beeijos!……………………………www.livroseatitudes.blogspot.com

  2. Ahhhhh Juuuu!!!!Eu simplesmente AMEI "O Nome do Vento"!!!! Descobri por acaso, em uma das minhas andanças pela Cultura. Nunca tinha ouvido falar, até que minha mãe (que não lê quase nada) decidiu comprar para ela. Resultado: eu tinha que ler escondida, porque ela não queria que eu lesse antes dela. Mas, conhecendo a figura, quis me garantir porque sabia que ia demorar muuuito pra ela terminar (não terminou até hoje e já faz mais de um ano que eu li).Eu simplesmente me apaixonei pela história!!! Não conseguia largar o livro!!!Mal posso esperar pela continuação!! (Que espero que saia ainda esse ano aqui no Brasil, porque lá fora já saiu!! o/)Adorei sua resenha e a forma como você intercalou as citações! Capturou bem o sentimento do livro!! Beijos!!!!

  3. Nossa, outra resenha super positiva que encontro desse livro! A minha vontade só aumenta em lê-lo, principalmente por causa das ótimas referências. Pela sinopse, parece mesmo ser um livro fantástico e muito bem escrito. Mal vejo a hora de conhecê-lo! :)Abraçoshttp://leitorasanonimas.blogspot.com

  4. Realmente Beatriz, se tem uma palavra pra descrever esse livro, é apaixonante!Impossível resistir… Sá, eu to tão acostumada a indicar o livro pras pessoas que quando alguém me diz que é bom eu uso minha frase padrão 1: 'Se você diz!'. Ai você me disse que era bom e que eu ia gostar do livro pensei…Se você diz!…Mas eu não gostei do livro não!Minha cabeça girou em todas as direções e explodiu! Quando acabei de ler eram 3h45 da madrugada e eu não sabia se gritava, se corria pela casa ou o que. kkkOs livros que eu li até hoje cairam uma estrela na classificação porque nada que veio antes se compara!Enfim, você estava corretissima! Agora vou sair correndo pra comprar Clockwork Angel por motivos óbvios! kkk Mas tbm depois de um tempo bateu uma deprê, queria mais, muitoo mais!kkk Pra mim quando é bom nunca é suficiente!Fico feliz que vc tenha gostado, por que essa foi dificil de escrever!;PLeitoras Anônimas…O livro é fantástico!sensacional! Podem até dizer que não gostaram do livro, mas ninguém pode dizer que não é original. Mesmo não gostando a pessoa tem que admitir que nunca viu nada igual!Mas vou parando por aqui porque já ta rimando e posso falar sobre o livro por horas…kkkBjs meninas, muito obrigada pelos comentários!;D

  5. Você não imagina a vontade que eu to de ler esse livro…Sempre ouvi muitoos comentários positivos sobre ele, mas nunca comprei por causa do preço e sempre fiquei esperando baixar. =XDevo receber o livro essa semana e finalmente vou ler! o/Ótima resenha, Ju! ^^Beijos!

  6. Oi Mah, o livro é muito bom sim! Quem sabe você não dá sorte e fatura essa né?Diego, depois de ler quero saber o que vc achou hein!Nataly, é maravihoso e parte disso é devido ao empenho do autor. O livro quando é bem trabalhado só pode ser bom! E parte disso é tbm porque o autor é realmente apaixonado pelo mundo que criou, é interessante ver ele falando dos personagens em entrevistas, parece até que fala dos filhos… todo orgulhoso.Eu já até vi algumas pessoas dizendo que não gostou, não era tudo aquilo…Claro que expectativa as vezes destroi o livro!Mesmo assim esse livro surpreende pela originalidade por mais que o não seja o gosto da pessoa.EU nunca li nada igual! E se alguém já, por favor compartilhe esse achado… ;D Boa Sorte no sorteio Nataly! Gente, obrigada pelos comentários.o/Bjs

  7. Essa já é a segunda resenha que eu leio que só fala maravilhas do livro e eu fui convencida logo na primeira!Gostei muito da sua resenha e do blog!Já estou participando da promoção :)Beijos 🙂

  8. Oi Ju,Adorei sua resenha. Tenho vontade de ler esse livro já faz tempo, mas sempre tão caro… Nós bibliolotras vamos à falencia sem descontinhos, não é? rsrsMas esse mundo fantastico permeado pela música vai acabar merecendo meu cartão de crédito. Aquela cocerinha para comprar já está desesperadora. rsrsrsParabéns pelo blog. Amei!Voltarei sempre. Só não estou conseguindo te seguir. a janelinha LEITORES não tem nada. Dá uma olhada. Já tentei pelo firefox e pelo explorer.Bjkshttp://seliga-cris.blogspot.com/

  9. Oi Vicky, Leia que você não vai se arrepender!;DObrigada Rach.Cris, sem dúvidas vamos a falência!!!;DFaço o possivel pra pegar promoção, uso o Saraiva Plus porque é muito livro e a gente fica pobre facinho!Obrigada, fico feliz que tenha gostado do blog e volte sempre sim! É muito bem-vinda!o/E realmente o Google Friend Connect tá com problema, não aparece nem aqui, nem em outros blogs que eu passei já faz mais ou menos 1h30 que está assim… Vamos ver quando volta né!Bjs meninas, obrigada pelos comentários e apareçam sempre que der.

  10. Oi JuLi o livro ano passado, e depois que terminei também não sabia o que fazer, de tanta excitação. Passei as duas semanas seguintes em Depressão Pós Livro x.x hahaha eu queria de QUALQUER jeito continuar a ler. A sorte foi ter encontrado os livros da irmandade da adaga negra, que me fizeram esquecer um pouquinho o Kvothe xD Enfim, espero ganhar o sorteio, quero muito ter o livro 8D

  11. Nuuss, eu já estava com mta vontade de ler esse livro,mas depois da resenha só fiquei com mais expectativa ainda…Conheço uma galera q já leu, e apesar do spoiler,não perdi a vontade de ler,pq esse livro ta prometendo e n parecer ser mais uma modinha cm os livro de anjos e vamiros,mas sim uma saga q vai vir p/ ficar!Beeijo@BabiStephane

  12. Pois é Isabelle a minha Depressão Pós Livro também foi terrivel, mas essa semana já chegou nas minhas mãos o ebook da continuação… Só estou terminando de ler um livro e já começo The Wise Man's Fear! o/Esse livro é com certeza obrigatório para todas as bibliotecas publicas ou particulares!Bárbara por mais Spoiler que vc tenha visto do livro ainda não está perdido!;DAcho que mesmo sabendo todo o caminho que a narrativa toma e etc. As pessoas ainda vão se supreender porque o modo como o livro é escrito é surpreendente. Boa sorte no sorteio meninas, e muito obrigada pelos comentários. ;DBjs

  13. Cara Ju, 14 anos de trabalho não é pouco não, só poderia dar no que deu: Sucesso!!! Acompanho resenhas nos mais diferentes locais, participo de tudo quanto é promo, mas ainda não tive muita sorte não :(Vamos ao livro – por ter sido professor de português durante uma boa parte de minha vida os nomes têm muita relevância pra mim, não só nome de pessoas, mas nome de coisas me chamam a atenção. A grafia, o som, a morfologia, tudo tem força, tudo tem significância. Por isso mesmo me amarrei na sinopse.Percebo por sua resenha o encantamento que o levou a fazê-la. E como não se apaixonar por um livro assim?

  14. É pra me matar esse livro não é? Pois é tudo e um pouco mais do que eu gostaria de ler em um livro!!! Agora fiquei desesperada em lê-lo e a culpa é toda sua, rs!Parabéns pela resenha, achei-a muito bem escrita e organizada. Bjs.

  15. Ainda não li esse livro, mas a cada dia que passa fico mais ansiosa pra lê-lo.Adoro livros épicos, acho que eles tem uma habilidade de levar a gente pra um mundo novo, e nos tornar cativos, de um jeito que a gente não quer mais voltar, sabe aquele livro que você começa a ler e de repente alguém diz 'vai dormir', e você olha pra o relógio e só então percebe que faz horas que esta lendo, e que o dia vai amanhecer? Eu amo livros que tem essa capacidade, me levam pra um outro mundo onde o tempo não tem mais importância, e pelo que li nessa resenha, acho que esse livro faz isso como nenhum outro. Em livro que faz você nem saber como fazer a resenha dele, que te faz chegar ao ponto de dizer que todos os livros cairam uma estrela na classificação, porque nunca houve nenhum como ele até hoje… É simplesmente enlouquecedor, essa resenha me deixou faminta, preciso mesmo ler esse livro. Ele tem algo mágico, parece que o autor reuniu tudo que esperava ou sonhava achar em um livro nesse, e o que é melhor, ele realmente conseguiu que isso funciona-se, deu certo.Bem nem sei o que dizer, vou procurar da um jeito de lê-lo e volto pra dá minha opinião, tendo lido.Beijos!

  16. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk vou pedir transferênia de Hogwarts foi ótima!!!!!!!Bom, eu fiz uma resenha myself: http://himenopaisdasmaravilhas.blogspot.com/2011/06/must-read-o-nome-do-vento.htmlme identifiquei muito com o começo da sua: "vc abre a boca e", qdo fui escrever sobre o livro fiquei spechless…nda saía! Eu não conseguia explicar o pq dele ser tão sensacional! Me faltavam adjetivos!? Eu, tão prolixa…q decepção, de q serve o raio do domínio da língua se vc ñ consegue nem descrever um livro? Enfim, eu tb adoro o Elodin e agora q estão aparecendo as aulas dele, to me divertindo a beça…rsrsrsr…ps. como purista chata q sou, desculpe-me o comentário, mas ávido é sem h. (sorry, eu ñ consigo me controlar…eu sei que devia)ps.2 eu queria tb poder ouvir o lair de Sir Savien…

  17. Esse livro é realmente muito bom, e muito do que foi dito na resenha eu realmente senti. Kvothe é um personagem genial, não apenas por ser inteligente e pegar as coisas muito facilmente, mas a criação dele é impecável. Virei fã do Patrick desde então. Um livro épico com certeza, e está na lista dos meus favoritos.

  18. Úrsula o livro é realmente uma mistura de tudo!Obrigada pelos elogios, tento sempre fazer uma boa resenha o que é problemático é que elas sempre ficam longas…Mas fico muito feliz que você tenha gostado e se empolgado com o livro.Ele é realmente muito bom, uma obra impar estou ansiosa por encontrar algo que o supere.Lidiane, também adoro visitar novos mundos.Na verdade eu gosto muito de fantasia por isso, eu acho que livro bom é aquele que te tira da realidade e transporta completamente pra dentro dele (História sem fim sabe?Você é sugado pra dentro da Fantasia!).Sem duvida esse livro tem esse efeito.Acabei não colocando na resenha, mas lembrei de quando era criança e assisti o filme Historia sem Fim pela primeira vez e fiquei imaginando como seria entrar na fantasia, dentro de um livro e fazer parte da história. O Nome do Vento me mostrou como é isso de uma maneira que nenhum outro livro pode. Eu olhava pro fim do livro e pensava 'não acaba ainda…' ;D Isso é raro.Até de ver o autor falar do livro…Ele fala como se fosse um filho, com uma paixão é sensacional.É imperdivel!O choque que vc tem ao ler em comparação com o que vc já leu é enorme.Mas tem que ler de coração aberto!Se começar pensando em comparações, buscando erros óbvio que vai encontrar… Leiam e degustem a leitura. Vocês tbm vão rir e chorar com Kvothe.Hiroko, vou lá conferir sua resenha…como vc pode ver adoro falar sobre o livro! kkk E por favor me corrija! Se não como fica né! kk E isso deve ter passado na correção porque é um vicio meu, desde criança sabe quando vc coloca na cabeça e nunca mais sai.Tenho dessas loucuras e depois tenho que ler tudo caçando coisa errada.David com certeza Patrick é um exemplo de autor, ao contrario de muitos ele não me parece estar preocupado em enriquecer, afinal publica um livro a cada 4 anos…ele trabalha no livro, pra que seja um ótimo livro, o melhor que ele pode fazer. Isso é um diferencial porque hoje vivemos num mundo onde escrever é também uma forma de 'ganhar na loteria' e muitas vezes um livro tem uma boa premissa mas não é bem escrito. Esse é bem escrito e tem um ótima premissa.Gente fico feliz que quem leu gostou, assumo que fiquei com receio quando fui escrever a resenha de ser só eu. fiquei Ah meu Deus…é tudo isso mesmo ou sou embriagada com a história? E é sim, tenho visto todos dizendo maravilhas do livro, estou lendo o segundo e o Patrick não perdeu a mão, The Wise man's Fear vem ai e já adianto que tras muitas emoções.Bjs e até mais.

  19. Bom, primeiramente, eu não tomava gosto por leitura, mas a um mês, começei a ler, e peguei gosto pela coisa, então alguns dias atrás, eu fui na casa de meu amigo, e vi este livro, e me interessei automaticamente, começei a pesquisar sobre ele, lendo resenhas, procurei saber dos preços, mas no momento estou sem dinheiro, eu estava procurando imagens na internet quando resolvi clicar na imagem da promoção e me cadastrar, quero muito o livro.Pelas resenhas, nos prometem muita magia, batalhas e romance . queero muito ler.

  20. Rafael, sabe que você falando de Avatar agora consigo até relacionar algumas coisasdo desenho com o livro! O.o Meio assustador isso!Bruno, Que bom que tomou gosto pela leitura!o/É um exercicio muito bom, e claro, prazeroso.Por alguns momentos conseguimos sair da realidade e 'dar asas a imaginação' Haha frase clichê mas completamente verdadeira!Boa Sorte na Promoção e participe bastante.Quem sabe não é seu dia de sorte!Beijos pessoal, muito obrigada pelos comentários!

  21. Eae doida!!!Depois de ler sua resenha fico entre ler ou não 'O nome do vento'. Não sei pq mas estou com um pé atrás com esse livro. rsQuem sabe num futuro não mto distante eu tente lê-lo. O autor é um maluco!!Bjoos

Deixe uma resposta